terça-feira, 11 de julho de 2017

Crise existencial 3..2...1...





O bebê foi rejeitado por um tempo porque ela era o subproduto de um erro, um grande erro entre jovens aleatórios copulando apenas por diversão.

Mais tarde, alguém traçou o meu destino dizendo sobre um futuro "brilhante". Roubaram minha liberdade de ser qualquer outra coisa e quando finalmente percebi isso as lâminas brilharam para mim. Porém, há um resto de autocontrole me impedindo de fazer novamente, até quando?



É estranho quando dizem "inteligente" ou quais quer outras qualidades que eu -supostamente - tenho. A minha visão é claramente outra e me sinto como um personagem qualquer. Atuando.

Vazio.


Quem você acha que vive aqui? 
Qual de vocês é real? 

***

Obrigada por desejar, talvez eu esteja bem amanhã.

5 comentários:

  1. No palco da vida se paga com dor o ser personagem mais do que ator.
    GK

    ResponderExcluir
  2. Ami eu gostaria muito de te conhecer. Você escreve lindamente, e me parece inteiramente plausível que seja inteligente. Você só não consegue enxergar.

    ResponderExcluir
  3. Nossa, que texto!
    Ami, as vezes a vida coloca a gente em situações que não entendemos... Acho que pra nos testar. E quem não precisa se perder de vez em quando pra se sentir em casa depois?

    Acredite, tudo volta pro lugar.

    Beijinhos e fica bem 💖

    ResponderExcluir
  4. É difícil, mas eu acredito que o seu real ainda esteja oculto para sua perspectiva. O seu real é o de uma pessoa incrível, o outro eu está na sua mente, é apenas uma miragem. Julgo assim, porque assim também me vejo.

    Espero que eu esteja certa e que você encontre o seu real. Porque, segundo minhas fontes, ele é muito bom. Há algo muito bom aí, cheio de qualidades.

    ResponderExcluir
  5. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir